As propostas dos candidatos

Bibliotecas | Prefeitura de Belo Horizonte
Foto: Ricardo Laf/prefeitura.pbh.gov.br

Como parte de uma série que mostra as propostas relacionadas ao livro, leitura e biblioteca que vêm sendo feitas pelos candidatos à prefeitura de algumas capitais do país, o site Publishnews abordou o que está na agenda dos concorrentes de Belo Horizonte. Líder nas pesquisas de intenção de votos, Alexandre Kalil, atual prefeito da cidade, afirma que um dos desafios de uma eventual segunda gestão sua é “continuar fomentando a qualidade da Educação Básica em todas as etapas e modalidades, com melhoria do fluxo escolar e da aprendizagem”. Para isso, propõe investir continuamente nas bibliotecas escolares como espaços catalisadores do Programa Leituras em Conexão, cuja finalidade é formar leitores competentes, capazes de conhecer e investigar em qualquer área do conhecimento, reestruturando os espaços que ainda não foram modernizados.

Ainda conforme a apuração do site, entre os candidatos da capital mineira, Áurea Carolina é a que dedica mais espaço ao tema no seu plano de governo. Na área de bibliotecas, propõe expandir e incrementar infraestruturas digitais de promoção do acesso à Cultura, como galerias, bibliotecas e acervos digitais, articulando tudo isso com políticas de democratização do acesso à internet.  Além de Belo Horizonte, a série já mapeou as propostas dos candidatos nas cidades do Rio de Janeiro e abordará também Porto Alegre e São Paulo.  

As mais belas

Abaixo, amostra da seleção das 12 bibliotecas públicas mais bonitas do mundo selecionadas pela revistabula.com. Matéria completa pelo link https://www.revistabula.com/33423-as-12-bibliotecas-publicas-mais-bonitas-do-mundo/.

The Library of El Escorial, San Lorenzo, Espanha
Strahov Monastery Library, Praga, República Tcheca
Admont Abbey Library, Áustria

Tesouros do Vaticano

Foto: Italymagazine.com

Criada oficialmente em 1475 e dona de um acervo de mais de um milhão de livros, 75 mil códices (manuscritos gravados em madeira) e 85 mil incunábulos (edições dos primórdios da invenção da prensa móvel, imitando manuscritos), a Biblioteca Apostólica Vaticana (IVA) vem digitalizando seus tesouros desde 2014 e disponibilizando on-line para qualquer interessado. Cobrindo temas que vão da História ao Direito, passando pela Filosofia, Ciência e Teologia, as obras da mais antiga biblioteca da Europa podem ser consultadas pelo site digi.vatlib.it/.

Cidade mineira adota “delivery” de livros

Imagem divulgada pelo site G1. Foto: Clube Tamboril/ Divulgação

Em meio a mobilização de todos no enfrentamento à pandemia da Covid-19, a novidade vem da cidade mineira de Pirapora. Segundo o site de notícias da Globo, o G1, um serviço de entrega em domicílio foi a alternativa encontrada por voluntários de uma biblioteca comunitária da cidade do Norte de Minas, para levar livros até a casa dos moradores durante o período de isolamento social. Segundo a matéria, a biblioteca foi criada há um ano e conta com um acervo de mais de 4 mil títulos. Para receber os livros em casa, os leitores cadastrados podem fazer o pedido por meio de um aplicativo. Cada um pode solicitar até dois livros por vez e é cobrada uma taxa de R$ 2 por entrega para contribuir com os custos de combustível.

Ainda de acordo com o G1, o bibliotecário Jean Matheus é o responsável pelas entregas, que são feitas sempre nas terças-feiras pela manhã. Em entrevista ao site, ele afirma que “os livros são higienizados com álcool e seguimos os protocolos do Sistema Estadual de Bibliotecas, e eu uso luvas e máscaras no momento da entrega. A demanda tem sido grande e, às vezes, preciso estender as entregas para o período da tarde”.

Bibliotecas digitais

Imagem publicada pelo site wiptech

Outra boa dica para o momento são as bibliotecas digitais como a Biblioteca Nacional Digital (bndigital.bn.gov.br), com um acervo de cerca de 2,1 milhões de documentos de livre acesso, e o portal dominiopublico.gov.br, com acesso gratuito à inúmeras obras que já perderam as limitações dos direitos autorais. Tem da obra completa de Machado de Assis a Fernando Pessoa, de literatura infantil a obras de Joaquim Nabuco e clássicos de Shakespeare. Segundo estatísticas do próprio site, com cerca de 1,5 milhão de downloads, a edição em português de “A Divina Comédia”, de Dante Alighieri, é a obra mais acessada do acervo.

Outras bibliotecas digitais, conforme sugestão do portal wiptech.com.br:

Biblioteca Digital Unicamp

http://www.bibliotecadigital.unicamp.br/

Biblioteca Digital Brasiliana Mindlin

https://digital.bbm.usp.br/handle/bbm/1

Biblioteca Digital Brasileira de Teses e Dissertações

http://bdtd.ibict.br/vufind/

Repositório UFMG

https://repositorio.ufmg.br/